Voltar

Escoliose

Navegue em: Ortopedia

A escoliose é uma doença que, em geral, não causa dor e se manifesta principalmente por meio de ombros ou quadris assimétricos; coluna vertebral encurvada anormalmente para um dos lados e eventual desconforto muscular. Ela pode estar relacionada a diversas doenças, como, por exemplo, distrofias musculares, malformações congênitas, doenças degenerativas e neurológicas, entre outras.

O tipo de escoliose mais frequente é a chamada idiopática, ou seja, aquela sem causa esclarecida que costuma surgir na adolescência e é predominante nas mulheres, embora também possa surgir em outras épocas da vida e acometer indivíduos do sexo masculino.


O QUE FAZ A ORTOPEDIA?

Preparamos um material exclusivo explicando a área da Ortopedia e as principais formas de tratamento das doenças.
Faça o download gratuitamente:

BAIXAR

Perguntas Frequentes

A escoliose é uma condição médica em que a coluna vertebral se curva lateralmente de forma anormal, formando um “S” ou “C” quando vista de frente.

Os sintomas da escoliose podem incluir dor nas costas, desalinhamento das costelas ou dos ombros, inclinação pélvica e, em casos graves, dificuldade respiratória devido à compressão dos pulmões.

A escoliose pode ser causada por fatores genéticos, neuromusculares, congênitos ou, em muitos casos, sua causa permanece desconhecida (escoliose idiopática).

A escoliose é frequentemente diagnosticada durante a infância ou adolescência, durante exames médicos de rotina ou quando os sintomas são observados por pais, professores ou médicos.

O diagnóstico de escoliose envolve um exame físico, radiografias da coluna vertebral e, em alguns casos, exames adicionais, como ressonância magnética ou tomografia computadorizada, para avaliar a gravidade da curva.

O tratamento da escoliose depende da gravidade da curva e da idade do paciente. Pode incluir fisioterapia, uso de coletes ortopédicos e, em casos graves, cirurgia para corrigir a curva.

Não existe uma forma conhecida de prevenir a escoliose, pois muitos casos são de origem desconhecida ou genética. No entanto, a detecção precoce é essencial para um tratamento eficaz.

Não tratar a escoliose pode levar a uma progressão da curva, causando dor crônica, deformidades físicas, dificuldades respiratórias e compressão dos órgãos internos.

A escoliose pode afetar pessoas de todas as idades, mas é mais comum em crianças e adolescentes, especialmente em meninas. Além disso, a história familiar de escoliose pode aumentar o risco.

Sim, a gravidade da escoliose pode afetar significativamente a qualidade de vida, especialmente se não for tratada. O tratamento adequado pode ajudar a aliviar os sintomas e melhorar a qualidade de vida dos pacientes com escoliose.

Você tem várias formas de agendar consultas e exames:

Envie uma mensagem para:

WhatsApp

Agende sua consulta ou exame:

Agende online
QR Code Agende sua consulta ou exame

Agende pelo app meu oswaldo cruz

App Meu Oswaldo Cruz disponível no Google Play App Meu Oswaldo Cruz disponível na App Store