Colesterol: O que é preciso saber para prevenir doenças

Criado em 2003 e comemorado em 8 de agosto, o Dia Mundial de Combate ao Colesterol tem como o objetivo conscientizar a população sobre a importância da prevenção de doenças cardiovasculares.

O colesterol é um tipo de gordura fundamental para o funcionamento do organismo. Ele faz parte de algumas estruturas como o cérebro, neurônios, músculos e outros. O excesso dessa gordura, porém, pode ser prejudicial à saúde, principalmente para o sistema cardiovascular, já que está associado a uma maior ocorrência de infarto agudo do miocárdio (IAM), doença coronariana crônica e acidente vascular cerebral (AVC).

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), cerca de 40% dos adultos no Brasil têm um diagnóstico de colesterol alto. Na população geral, a prevalência também é alarmante: 22,6%.

O portal iG convidou o médico cardiologista Leandro Costa, do Hospital Alemão Oswaldo Cruz para dar dicas sobre como manter o colesterol em nível saudável, reduzindo o risco de doenças. Confira.

1- Qual é o papel do colesterol nas funções vitais de nosso corpo e quais são seus tipos?

O colesterol faz parte da funcionalidade normal de nosso organismo e ajuda na síntese de hormônios. Existem dois tipos de colesterol: o popularmente como LDL, colesterol ruim, e HDL, colesterol bom. O LDL em excesso pode ser depositado nas paredes das artérias, aumentando o risco de obstrução e, consequentemente, de problemas como o infarto e o acidente vascular cerebral (AVC). O HDL, por outro lado, é benéfico em níveis altos, pois ele ajuda a evitar as placas de LDL formadas nos vasos sanguíneos, limpando as artérias da gordura prejudicial à saúde do corpo humano.

2- Após um diagnóstico de colesterol elevado, é possível reverter o quadro de forma natural?

Sim, existe a possibilidade, entretanto ela é pouco provável, pois 70% do colesterol é produzido de forma endógena, ou seja, dentro de nosso próprio corpo. As principais medidas melhorar o colesterol de formas não intervencionistas são a adoção de hábitos saudáveis, a diminuição do excesso de alimentos gordurosos e a prática de atividade física. É importante também substituir as gorduras “piores” pelas “melhores” — as poli-insaturadas.

3- Quais são os fatores de risco para o aumento do colesterol?

Os fatores de risco estão ligados ao sedentarismo e hábitos alimentares ruins. Eles são mais perceptíveis em pessoas com obesidade, principalmente a obesidade abdominal, a famosa “barriguinha”. Tabagistas e pessoas com histórico familiar de doenças cardiovasculares também precisam ficar em alerta.

4- Após diagnosticado, existe um tratamento para o paciente com colesterol alto? Existe cura?

Existe sim um tratamento com medicamentos que controlam o colesterol. O tratamento é uma indicação de controle que de fato reduz o colesterol. É importante frisar que não é a redução do colesterol que importa, mas sim o evento que a redução traz. Isso significa que, diminuindo o colesterol, diminuirá a chance de mortalidade cardiovascular, de AVC, de infarto. Por isso, recomendamos essa redução. Cura, por outro lado, não existe. E sim o controle.

Confira abaixo algumas dicas para manter o colesterol em níveis saudáveis:

  • Faça a preparação dos alimentos assados, cozidos ou grelhados;
  • Aumente o consumo de cereais integrais como farelo de trigo, farelo de aveia;
  • Substitua, sempre que possível, massas e pães feitos de farinha branca por opções integrais;
  • No almoço e no jantar, consuma boas quantidades de hortaliças folhosas, como alface, agrião, escarola, rúcula;
  • Tempere as saladas com azeite de oliva, preferencialmente o extravirgem;
  • Opte por leite e iogurtes desnatados;
  • Prefira queijo branco fresco e ricota, ao invés dos queijos amarelos;
  • Evite produtos industrializados ricos em gordura trans, como biscoitos recheados e amanteigados, salgadinhos ricos em corantes;
  • Evite o consumo de frituras e prefira carnes magras, com menores concentrações de gorduras;
  • Abandone o tabagismo;
  • Reduza o consumo de refrigerantes e de bebidas alcoólicas.
Data: 08/08/2023 Fonte: IG Notícias - SP

Você tem várias formas de agendar consultas e exames:

Envie uma mensagem para:

WhatsApp

Agende sua consulta ou exame:

Agende online
QR Code Agende sua consulta ou exame

Agende pelo app meu oswaldo cruz

App Meu Oswaldo Cruz disponível no Google Play App Meu Oswaldo Cruz disponível na App Store