NO SANGUE

Durante a maior parte da história da humanidade, a ideia da transfusão de sangue era algo impossível. A afirmação caiu em desuso há pouco mais de um século, precisamente em 1900, quando o médico austríaco Karl Landsteiner descobriu a existência de quatro diferentes tipos sanguíneos: A, B, AB e O. A conclusão revolucionou a medicina e hoje permite que um profissional de saúde salve vidas a partir de uma simples transfusão de sangue, já que todos os tipos são compostos por glóbulos vermelhos, brancos e plaquetas. “Os glóbulos vermelhos são células anucleadas dinâmicas que atuam em todo o sistema orgânico”, explica o hematologista Philip Bachour, coordenador e responsável técnico pelo transplante de medula óssea do Hospital Alemão Oswaldo Cruz. “Sua função primordial é o transporte de oxigênio aos tecidos e de gás carbônico aos pulmões, o que é possível graças à presença de hemoglobina, que corresponde a 95% de todas as proteínas dessa célula.”

Saber a qual grupo sanguíneo você pertence, porém, vai além da incomensurável importância da terapia transfusional para a saúde pública. Desde meados do século passado, a biologia dos tipos de sangue tem sido pesquisada para revelar a influência de cada um deles sobre a nossa saúde. Alguns estudos – a maioria ainda em processo de afinamento científico – sugerem uma maior ou menor propensão para contrair e desenvolver certas doenças. “Novos estudos, certamente, são necessários para identificar associações dos grupos sanguíneos e a ocorrência de diversas doenças. Quem sabe o desenvolvi[1]mento de novas medidas de prevenção e tratamento possam estar disponíveis no futuro”, diz o hematologista. A seguir, listamos as características e tendências de cada tipo.

Entenda as diferenças entre os tipos sanguíneos e o que estudos dizem sobre suas características e como eles podem influenciar a saúde

POR RODRIGO CARDOSO

Tipo A

  • Segundo grupo sanguíneo mais comum, presente em 42% dos brasileiros
  •  Pode ser doado para os grupos A e AB
  • Tem papel importante na fabricação de plaquetas, fundamentais para parar sangramentos e hematomas
  • Estudos sugerem uma suscetibilidade ao câncer de pâncreas, aumento do risco de tumores gástricos e eventos cardiovasculares
  • Mulheres com antecedentes familiares de câncer de mama teriam mais chance de desenvolver a doença
  • Pessoas com esse sangue seriam mais propensas a apresentar o cortisol, o hormônio do estresse, em maiores níveis

Tipo B

  • Pode ser doado para os grupos B e AB
  • É um dos tipos mais raros, mais comum em negros e asiáticos. Por isso, a saúde pública tem como prioridade encorajar novos doadores dessas etnias
  • Estudos sugerem uma tendência maior ao câncer de pâncreas, ao de mama e ao de ovário
  • Trabalhos apontam que pessoas com esse sangue têm menos chances de sofrer com problemas digestivos
  • 10% dos brasileiros pertencem a esse grupo

Tipo AB

  • Pode ser doado somente para pessoas do mesmo grupo sanguíneo
  • Apenas 3% dos brasileiros possuem esse tipo sanguíneo
  • Importante na produção de plasma congelado fresco, fundamental no tratamento de pessoas com grave perda de sangue
  • Portadores do tipo AB teriam maior propensão a dificuldades com a recuperação de memória, linguagem e atenção
  • A bactéria que causa o cólera aparentemente provoca menos estragos nas pessoas com esse sangue
  • Segundo trabalhos, apresenta 23% mais chances de sofrer de doenças cardíacas que o grupo o
  • Estudos sugerem uma suscetibilidade ao câncer de pâncreas

TIPO O

  • Grupo sanguíneo mais solicitado por hospitais, presente em 45% dos brasileiros
  • Pode ser doado a qualquer outro grupo sanguíneo
  • Estudos sugerem um maior número de lesões no sistema gástrico provocado pela bactéria H. Pylori
  • Mulheres com esse sangue teriam uma reserva ovariana menor
  • O tipo o propicia uma forte defesa imune para vencer micróbios nocivos
Hematologia Matéria Texto

Veja Também

Leve Com Você
SOBRE VOCÊ

Você tem várias formas de agendar consultas e exames:

Envie uma mensagem para:

WhatsApp

Agende sua consulta ou exame:

Agende online
QR Code Agende sua consulta ou exame

Agende pelo app meu oswaldo cruz

App Meu Oswaldo Cruz disponível no Google Play App Meu Oswaldo Cruz disponível na App Store