Hospital Alemão Oswaldo Cruz na Luta Contra o Câncer de Mama

90% dos casos de câncer de mama não ocorrem por conta de histórico familiar.

O Movimento Outubro Rosa foi criado nos anos 1990, com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre o câncer de mama, segunda maior causa de morte entre as mulheres no Brasil, e a importância sobre o diagnóstico precoce. Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Brasil, em 2016, são esperados 57.960 casos novos de câncer de mama, considerado o tipo mais comum entre as mulheres no mundo. Como forma de apoio à campanha, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz ilumina a sua fachada durante todo o mês.

De acordo com o Dr. Carlos Alberto Ruiz, mastologista do Centro Especializado.

de Oncologia do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, a hereditariedade, ou seja, a condição genética familiar, não é o fator mais incidente para o desenvolvimento do câncer de mama. “90% dos casos de câncer de mama não ocorrem por conta de histórico familiar. Existem outros fatores de risco maiores que desencadeiam a doença”, explica o mastologista.

O risco de câncer de mama aumenta consideravelmente em mulheres na pré e pós-menopausa, geralmente a partir dos 50 anos de idade, que apresentam excesso de gordura corporal, especialmente na região abdominal e abusam da ingestão de bebida alcoólica. O excesso de estrogênio (hormônio sexual feminino) também pode ser uma das gêneses do câncer de mama. “Existe uma forte relação entre o ganho de peso após a menopausa e o câncer de mama. Perder peso após a interrupção dos ciclos menstruais pode fazer muita diferença na prevenção de nódulos malignos”, comenta.

Para prevenir o câncer de mama as mulheres devem iniciar uma mudança de hábitos em sua rotina, como praticar atividade física regularmente, ingerir alimentos saudáveis e realizar os exames preventivos, como a mamografia. Como a origem da doença é multifatorial, o indicado é que toda mulher realize exames periódicos para a detecção precoce de lesões pré-cancerosas.

O recomendável é a realização de mamografia anual a partir dos 40 anos. “Os exames de rotina são muito importantes no diagnóstico precoce. Um tumor pode levar de oito a dez anos para atingir um centímetro e descobrir um câncer em fase inicial pode impactar totalmente no tratamento da paciente e nas chances de cura”, diz o Dr. Ruiz.

A mulher deve procurar um mastologista em casos de caroço, vermelhidão, pele endurecida, áreas estufadas, feridas, coceiras, saída de líquido do bico dos seios (sem apertar) de cor vermelha ou transparente como a água ou local endurecido.

Campanha #conhecerparavencer

Além de iluminar a fachada, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, ainda como forma de apoio ao Outubro Rosa, criou um hotsite onde foram disponibilizados vídeos com depoimentos de pacientes que lutam contra o câncer de mama, além da declaração de especialistas do Centro Especializado de Oncologia do hospital sobre o avanço no diagnóstico e tratamento.
Mesmo com o conteúdo educativo do site sobre o câncer de mama, o internauta também pode enviar mensagens de apoio às pacientes que enfrentam a doença por meio da hashtag #conhecerparavencer via Facebook, Instagram, Twitter, Google+ ou até mesmo por WhatsApp. Os participantes da ação ainda podem adicionar o filtro da campanha em sua foto do perfil no Twitter e Facebook.

Para mais informações: http://centrodeoncologia.org.br/conhecer-para-vencer/.

Sobre o Hospital Alemão Oswaldo Cruz

O Hospital Alemão Oswaldo Cruz, um dos melhores centros hospitalares da América Latina, é referência em serviços de alta complexidade. Fundado em 1897 por um grupo de imigrantes de língua alemã, o Hospital possui uma das maiores casuísticas do país e concentra seus esforços na busca permanente da excelência do atendimento integral, individualizado e qualificado ao paciente, além de investir fortemente no desenvolvimento científico, por meio da educação e da pesquisa. Com mais de 96 mil m² de área construída, o Hospital dispõe de 321 leitos de internação, 44 leitos instalados na Unidade de Terapia Intensiva, 22 salas de cirurgia e Pronto Atendimento 24 horas. Além disso, oferece uma das mais qualificadas assistências do país e Corpo Clínico renomado, para que os pacientes tenham acesso aos mais altos padrões de qualidade e de segurança no atendimento, atestados pela certificação da Joint Commission International (JCI) – principal agência mundial de acreditação em saúde.

Hospital Alemão Oswaldo Cruz –www.hospitaloswaldocruz.org.br.

Informações para a imprensa

Conteúdo Comunicação
Maria Teresa Moraes –mariateresa.moraes@conteudonet.com.
Alessandra Miranda –alessandra.miranda@conteudonet.com.
Bianca Amorim –bianca.amorim@conteudonet.com.
Roberta Montanari –robertamontanari@conteudonet.com.
Claudio Sá – claudio.sa@conteudonet.com.
Tel.: 11 5056-9817 / 5056-98009-9575-5872.

Gerência de Marketing e Comunicação Institucional

Melina Beatriz Gubser –mgubser@haoc.com.br.
Michelle Barreto –msbarreto@haoc.com.br – Tel.: (11)3549-0852.
Rafael Peciauskas –rpeciaukas@haoc.com.br – Tel.: (11) 3549-0096.

Você tem várias formas de agendar consultas e exames:

Envie uma mensagem para:

WhatsApp

Agende sua consulta ou exame:

Agende online
QR Code Agende sua consulta ou exame

Agende pelo app meu oswaldo cruz

App Meu Oswaldo Cruz disponível no Google Play App Meu Oswaldo Cruz disponível na App Store