Hospital Alemão Oswaldo Cruz lança campanha nacional para apoiar pacientes com câncer

Campanha Você tem um minuto para fazer alguém feliz? tem como objetivo alertar a população sobre a importância de obter um diagnóstico precoce da doença, que deve registrar cerca de 576 mil novos casos no país neste ano.

São Paulo, 8 de abril de 2015 – O Hospital Alemão Oswaldo Cruz, lança nesta quarta-feira, Dia Mundial de Combate ao Câncer (8/4), a campanha nacional “Você tem um minuto para fazer alguém feliz?”. A iniciativa tem como objetivo apoiar pacientes que enfrentam a doença, além de alertar a sociedade sobre a sua prevenção. A iniciativa conta com o apoio da blogueira e diretora da Fundação Amor Horizontal Carol Celico e da jornalista e CEO do grupo Glamurama Joyce Pascowitch, que gravaram voluntariamente uma mensagem positiva para os pacientes do hospital.

As pessoas que quiserem apoiar esta causa também podem enviar o seu recado, vídeo ou foto por meio do e-mail: euamoavida@haoc.com.br e pelo WhatsApp (11) 96189-0818. Outra opção é postar a mensagem na sua própria rede social com a #euamoavida. Todos os depoimentos farão parte de um mural de solidariedade do hotsite da campanha www.euamoavida.com.br e também serão compartilhados com pacientes do hospital.

No hotsite da campanha, os internautas também podem encontrar informações sobre os principais tipos de câncer, as inovações tecnológicas disponíveis no mercado para o tratamento e, principalmente, a importância de obter um diagnóstico precoce e que medidas podem contribuir para prevenir a doença.

Para o oncologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Dr. Jacques Tabacof, a prevenção ainda é melhor caminho para evitar a doença, por isso, a relevância de dar luz a esta causa. Estima-se que, em 2015 serão, diagnosticados aproximadamente 576 mil novos casos de câncer no Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Os tipos mais incidentes serão os cânceres de pele não melanoma, próstata, pulmão e estômago para o sexo masculino; e os cânceres de pele não melanoma, mama, colo retal, colo do útero, e de pulmão para o sexo feminino.

“Há dois tipos de prevenção: prevenção primária e secundária. A primeira consiste na mudança dos hábitos pessoais de um indivíduo com o objetivo de reduzir a influência dos fatores ambientais causadores de uma determinada doença. A segunda, diferentemente, foca no seu diagnóstico precoce, partindo da premissa de que, quanto antes for feito o diagnóstico do câncer, maiores são as chances de cura do paciente”, diz.

Alta tecnologia a serviço da vida

Como parte do tratamento oncológico e humanizado, além da campanha de apoio aos pacientes com câncer, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz acaba de implantar a radioterapia intraoperatória como opção para tratar pacientes com câncer de mama em fase inicial. Esse novo conceito de tratamento aumenta a eficácia da terapia em uma única sessão, reduzindo o número de exposições. “Isso também tem um impacto econômico, uma vez que os altos custos do tratamento podem ser evitados quando há um programa de prevenção eficiente e de baixo custo”, afirma Dr. Jacques.

Este procedimento é uma oportunidade de tratamento radioterápico eficiente e no momento da cirurgia, sem grandes alterações no processo cirúrgico tradicional, diminuindo o tempo de tratamento radioterápico das mulheres e ainda contribuindo para o atendimento dos pacientes que aguardam nas listas de espera para tratamento.

O novo método ajuda a evitar exposição desnecessária à radiação e limita o tratamento ao local exato onde o tumor primário estava presente. Desta forma, é possível conquistar com apenas uma sessão de radioterapia intraoperatória o resultado de aproximadamente 28 sessões de radioterapias convencionais. Com duração de cerca de 30 minutos, a radioterapia intraoperatória também pode ser prescrita como dose de reforço durante a cirurgia de remoção do tumor, antes do início da radioterapia externa, otimizando o resultado e diminuindo a necessidade de sessões. Além de poupar visitas ao hospital, a dose única evitaria um dano potencial a órgãos como coração, pulmão e esôfago – um risco que o paciente corre durante a quimioterapia.

Sobre o Hospital Alemão Oswaldo Cruz

O Hospital Alemão Oswaldo Cruz, um dos melhores centros hospitalares da América Latina, é referência em serviços de alta complexidade, com foco em Oncologia, Cardiologia, Neurologia, Ortopedia e Doenças Digestivas. Fundado em 1897 por um grupo de imigrantes de língua alemã, o Hospital possui uma das maiores casuísticas do país e concentra seus esforços na busca permanente da excelência do atendimento integral, individualizado e qualificado ao paciente, além de investir fortemente no desenvolvimento científico, por meio do ensino e da pesquisa. Com mais de 96 mil m² de área construída, o Hospital dispõe de 327 leitos de internação, sendo 22 salas de cirurgia, 44 leitos na Unidade de Terapia Intensiva e Pronto Atendimento 24 horas. Além disso, oferece uma das mais qualificadas assistências do país e Corpo Clínico renomado, para que os pacientes tenham acesso aos mais altos padrões de qualidade e de segurança no atendimento, atestados pela certificação da Joint Commission International (JCI) – principal agência mundial de acreditação em saúde. Hospital Alemão Oswaldo Cruz –www.hospitaloswaldocruz.org.br.

Informações para a imprensa

In Press Porter Novelli

Giuliana Gregori – Tel.: (11) 3323-1651 / 99197-4518 – giuliana.gregori@inpresspni.com.br.
Carolina Motta – Tel.: (11) 3323-1653 / 96815-7655 – carolina.motta@inpresspni.com.br.
Alessandra Fragata – Tel.: (11) 3323-1597 – alessandra.fragata@inpresspni.com.br.

Gerência de Marketing e Comunicação

Melina Beatriz Gubser – mgubser@haoc.com.br.

Você tem várias formas de agendar consultas e exames:

Envie uma mensagem para:

WhatsApp

Agende sua consulta ou exame:

Agende online
QR Code Agende sua consulta ou exame

Agende pelo app meu oswaldo cruz

App Meu Oswaldo Cruz disponível no Google Play App Meu Oswaldo Cruz disponível na App Store