Hospital Alemão Oswaldo Cruz incentiva doação de medula óssea

Ação tem o objetivo de estimular e facilitar o cadastramento de voluntários.

O Hospital Alemão Oswaldo Cruz realiza, no próximo de 23 de setembro (quinta-feira), a Campanha de Doação de Medula Óssea para cadastramento de doadores voluntários.

Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos, com boas condições de saúde, pode comparecer ao Hospital, onde preencherá uma ficha cadastral e coletará uma pequena amostra de sangue. Os dados irão integrar o banco de dados REDOME (Registro de Doadores de Medula Óssea) sob os cuidados da Associação da Medula Óssea do Estado de São Paulo (AMEO). Constantemente o sistema informatizado realiza o cruzamento com os dados de pacientes à espera de um transplante. Em caso de compatibilidade, o doador é chamado para complementar os exames e realizar a doação.

A doação pode ser feita de três formas:

1. A retirada da medula óssea é feita em centro cirúrgico sob anestesia. Por punção é colhida cerca de 10% da medula óssea dos ossos da bacia. O processo não prejudica o doador, causando apenas um desconforto na região. Suas células são regeneradas em poucos dias;

2. Coleta de células-tronco por aférese (separação): primeiramente, o doador recebe um medicamento para estimular a migração das células-tronco da medula óssea para a circulação sanguínea. No dia da doação, por meio de punção em veia do braço do doador, o sangue é aspirado gradativamente para um kit estéril e descartável instalado em um equipamento. Por centrifugação, parte das células-tronco é separada para uma bolsa do kit, enquanto os demais componentes do sangue retornam continuamente para o doador, em um processo altamente seguro;

3. A coleta do sangue do cordão umbilical é feita no momento do parto. Após separar do recém-nascido, o médico punciona veias da placenta. Esse material contém células progenitoras, responsáveis por “repopular” a medula.

Após a coleta, o material é colocado em bolsas e injetado na veia do paciente. A medula óssea é o tecido encontrado no interior dos ossos, que tem a função de produzir as células sanguíneas. É rica em células progenitoras, que uma vez na corrente sanguínea circulam e se instalam na medula óssea do paciente e se desenvolvem. Para a nova medula se estabelecer, são necessários, em média, de 15 a 20 dias.

O transplante de medula é indicado a pacientes com doenças como leucemias, mielomas e linfomas, quando não respondem ao tratamento com quimioterapia ou radioterapia. Porém, a chance de compatibilidade entre não aparentados é de 1 em 100.000.

Serviço
Campanha de cadastro de doadores
Data e horário: 23 de setembro de 2010, quinta-feira, das 7h às 19h
Endereço: Hospital Alemão Oswaldo Cruz – Rua 13 de Maio, 1.815 – Paraíso.

Você tem várias formas de agendar consultas e exames:

Envie uma mensagem para:

WhatsApp

Agende sua consulta ou exame:

Agende online
QR Code Agende sua consulta ou exame

Agende pelo app meu oswaldo cruz

App Meu Oswaldo Cruz disponível no Google Play App Meu Oswaldo Cruz disponível na App Store