Verão: dicas para uma boa alimentação na época mais quente do ano

São Paulo, 04 de janeiro de 2021 – Com a chegada da época mais quente do ano, que começa no final deste mês e vai até março de 2021, são necessários alguns cuidados extras com a alimentação e a hidratação, para enfrentar o calor de maneira segura e saudável.

Para isso, prestar atenção no que se ingere é fundamental. Segundo a nutricionista do Centro Especializado em Obesidade e Diabetes do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Luisa Vargas, no calor, o organismo precisa de alimentos que hidratem e auxiliem a proteção das células contra os danos causados pelo sol, ricos em vitamina A, complexo B, C, licopeno e luteína. São eles: cenoura, abóbora, manga, mamão, pêssego, chá verde, pimentão vermelho, tomate, couve, brócolis, espinafre, ovos, oleaginosas, laranja, limão, abacaxi, morango, goiaba e uva.

Hidratação

É importante lembrar que além de investir em frutas da estação e alimentos com pouca gordura, o organismo precisa consumir mais líquidos e alimentos ricos em nutrientes que compensam as perdas de água e sais minerais decorrentes da transpiração.

Em relação aos riscos da falta de hidratação, Luisa explica: “Nos casos leves e moderados, os sintomas são sede, pressão baixa, fraqueza, cansaço e sonolência. À medida que a desidratação se agrava, os sintomas são câimbras, insuficiência renal e convulsões. Casos de desidratação extrema levam o indivíduo ao estado de coma e até à morte.

O problema se torna grave principalmente quando afeta crianças e idosos, que não conseguem identificar essa sensação de maneira correta, não tomam água ou não solicitam na medida que o corpo necessita. “É comum que crianças e idosos esqueçam de beber água. Por isso, quem convive com esses dois públicos deve fazer a oferta de água regularmente”, afirma a nutricionista.

A média padrão de consumo de água é de dois a três litros por dia para um indivíduo adulto. Entretanto, essa quantidade pode variar de acordo com a elevação da temperatura, o quanto a pessoa transpira e o que ela consome, como por exemplo as bebidas alcoólicas, que prejudicam a boa hidratação quando ingeridas em excesso. Para saber a quantidade ideal de água que cada um deve ingerir, a especialista diz: “podemos fazer o cálculo de 35ml de líquidos dividido pelo peso. Ou seja, uma pessoa que pesa 70kg deve ingerir 2,45L. Para que não reste dúvidas, vale também ficar atento à cor da urina, que deve ser de coloração amarelo claro”.

Não exagere no sal

A nutricionista alerta que o consumo excessivo de cloreto de sódio, presente no sal de cozinha, é um grande vilão para a saúde. Isso porque, se consumido de forma exagerada, ele pode provocar a retenção de líquidos e o entupimento dos vasos, levando à hipertensão arterial. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que o consumo diário não ultrapasse 5 gramas, ou uma colher rasa de chá.

Sobre o Hospital Alemão Oswaldo Cruz

Fundado em 1897 por um grupo de imigrantes de língua alemã, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz é um dos maiores centros hospitalares da América Latina. Com 123 anos de atuação, é referência em serviços de alta complexidade e ênfase em Oncologia e Doenças Digestivas. Para que os pacientes tenham acesso aos mais altos padrões de qualidade e de segurança no atendimento, atestados pela certificação da Joint Commission International (JCI) – principal agência mundial de acreditação em saúde –, o Hospital conta com um corpo clínico renomado, formado por mais de 4 mil médicos cadastrados ativos, e uma das mais qualificadas assistências do país. Sua capacidade total instalada é de 805 leitos, sendo 582 deles na saúde privada e 223 no âmbito público. Desde 2008, atua também na área pública como um dos cinco hospitais de excelência do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS) do Ministério da Saúde.

Hospital Alemão Oswaldo Cruz – https://www.hospitaloswaldocruz.org.br/


Informações para a imprensa
Conteúdo Comunicação

Maria Teresa Moraes (mariateresa.moraes@conteudonet.com ) – Tel.: (11) 995755872
Alessandra Miranda (alessandra.miranda@conteudonet.com) – Tel.: (11) 98460-3733
Mayara Toni (mayara.toni@conteudonet.com) – Tel.: (11) 94480-8372
Nicole Kloeble (nicole.kloeble@conteudonet.com) – Tel.: (11) 99978-6566
Roberta Montanari (robertamontanari@conteudonet.com)
Claudio Sá (claudio.sa@conteudonet.com)

Gerência de Comunicação Corporativa do Hospital Alemão Oswaldo Cruz
Melina Beatriz Gubser – mgubser@haoc.com.br
Michelle Barreto – msbarreto@haoc.com.br
Rafaela Rosas – rrosas@haoc.com.br
Bianca Ribeiro – biribeiro@haoc.com.br