Técnicos participam de oficina para elaboração do Plano Estratégico para a regionalização da saúde

Programa é resultado de parceria entre a Secretaria de Estado de Saúde, Ministério da Saúde, Hospital Alemão Oswaldo Cruz e Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde

Campo Grande (MS) – Técnicos da Secretaria de Estado de Saúde participam, dias 29 e 30.4, da segunda oficina do Proadi-SUS (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS), com o objetivo de fazer um diagnóstico que servirá de base à elaboração de um plano estratégico para a atuação da pasta. Esse trabalho irá, posteriormente, subsidiar proposta de regionalização da saúde em Mato Grosso do Sul.

Resultado de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Saúde, Ministério da Saúde, Hospital Alemão Oswaldo Cruz e Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (Conass), o evento é o segundo de um total de seis oficinas que acontecerão de abril a julho deste ano na Escola de Saúde Pública Jorge David Nasser.

De acordo com o secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende, a implantação do Proadi-SUS em Mato Grosso do Sul é o primeiro passo para a realização de um planejamento conjunto com o Conselho Estadual de Saúde (CES) que visa, ao final, implementar a regionalização da saúde em MS. Outro momento importante, segundo ele, será a Conferência Estadual de Saúde, que acontecerá nos dias 4 e 5 de junho e norteará a formulação da política estadual de saúde.

“Queremos fortalecer a gestão estadual do Sistema Único de Saúde (SUS) para melhorar atendimento aos usuários de todas as regiões de Mato Grosso do Sul”, explica Geraldo Resende. “Esse é o objetivo do Programa ao qual aderimos por determinação do governador Reinaldo Azambuja, para nos possibilitar a utilização de estratégias inovadoras de gestão, tendo como meta assegurar acesso à saúde de qualidade para a população usuária do SUS”.

Segundo o secretário, por meio do projeto de fortalecimento da gestão estadual do SUS, será elaborado um planejamento estratégico que vai possibilitar a elaboração do plano estadual de saúde em conformidade com outros instrumentos como o Plano Plurianual (PPA), Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA), objetivando contemplar as necessidades de cada região do Estado.

Autor: Ricardo Minella – Secretaria de Estado de Saúde (SES).
Data: 30/04/2019
Fonte: Portal MS