Equipe do “Melhor em Casa” de São Pedro da Aldeia é destaque nacional

Programa, implantado no governo de Cláudio Chumbinho e único na Baixada Litorânea, se destacou entre 1.400 equipes

O programa “Melhor em Casa” de São Pedro da Aldeia recebeu o reconhecimento nacional do Ministério da Saúde e do Hospital Alemão Oswaldo Cruz como uma das melhores equipes de todo o país. A avaliação contou com representantes de diversas regiões do Brasil. Na Baixada Litorânea, apenas São Pedro da Aldeia conta com esse programa federal implantado. Fruto da atual gestão da Secretaria Municipal de Saúde, o Melhor em Casa atende os pacientes desde novembro de 2017.

Sempre fortalecendo a prevenção e o cuidado em saúde dentro da rede municipal, a secretária de Saúde, Francislene Casemiro, destacou a importância do trabalho de atenção domiciliar, em prol dos pacientes. Mesmo com a pandemia da COVID-19, o serviço se manteve atuante.

“Implantamos o Melhor em Casa em 2017, sendo o município pioneiro na Baixada Litorânea. Neste ano de pandemia e da necessidade de se manter domiciliado o serviço cresceu junto aos pacientes. A prevenção é a maior medida de assistência e cuidado com a nossa população, esse sempre foi o nosso objetivo. O reconhecimento nacional do programa de São Pedro da Aldeia é gratificante. Mediante a todos os desafios impostos a saúde aldeense não parou e conseguiu se fortificar, mostrando grandes resultados, sendo validados pelo Ministério da Saúde e pelo Hospital Alemão Oswaldo Cruz (HAOC)”, disse.

Para o prefeito Cláudio Chumbinho, o reconhecimento nacional do programa coroa todo o esforço da equipe e o investimento do governo realizado na Saúde. “A nossa gestão de Saúde entregou ao município diversas ações que mudaram a realidade, além da ampliação da rede de atenção primária. O “Melhor em Casa” apresentou um trabalho de cuidado e valorização do paciente domiciliado, ter esse reconhecimento nacional é gratificante para a minha gestão e toda equipe envolvida nesse serviço”, afirma o prefeito.

A avaliação

A avaliação foi realizada a partir de três ações realizadas pelo Melhor em Casa. Os profissionais apresentaram projetos realizados de implantação de ventilação mecânica invasiva, articulação com a rede primária e capacitação das unidades de saúde e telemonitoramento e videoconsultas. Além das temáticas específicas, todo o trabalho desenvolvimento na Atenção Domiciliar foi avaliado.

Para o diretor de Atenção Domiciliar, Júnior Curcino, o destaque nacional vem coroar um trabalho realizado pela gestão da Secretaria de Saúde e por todos os profissionais da equipe “Melhor em Casa”.

“O Melhor em Casa alavancou a atenção domiciliar com esse reconhecimento nacional, nós mudamos a história da Atenção Domiciliar e engajamos e incentivamos o programa. O nosso privilégio é enorme, de ser tratado diretamente com o Hospital Alemão Oswaldo Cruz e também pela Coordenadora Geral de Atenção Domiciliar em Brasília, que sempre esteve presente em São Pedro da Aldeia. A equipe de um modo geral foi fantástica, sabemos que só chegamos nesse destaque pela condição técnica dos profissionais, que mesmo durante a pandemia não pararam e os atendimentos dobraram. O coração está grato por termos chegado ao fim do ano com o município e a equipe sendo reconhecidos. São Pedro da Aldeia fez a diferença e mostrou muito bem a cidade. Nosso esforço enquanto equipe foi primordil para essa avaliação nacional”, comemorou.

Segundo Mariana Borges, Coordenadora Nacional do Programa Melhor em Casa, São Pedro da Aldeia se destacou entre quase 600 municípios do país e entre mais de 1400 equipes.

“ O ‘Melhor em Casa’ de São Pedro da Aldeia se apropriou perfeitamente do conhecimento e conseguiu dar um salto de qualidade, melhorando os indicadores locais e a compreensão do verdadeiro papel do programa. Continuamos contando com a parceria de São Pedro da Aldeia, na intenção de torná-lo referência para as equipes recém-implantadas. Agradecemos o excelente trabalho e reafirmamos nosso compromisso para juntos, em 2021, desenvolvermos e evidenciarmos ainda mais o potencial da Atenção Domiciliar no SUS”, contou.

O programa “Melhor em Casa” funciona em São Pedro da Aldeia com uma equipe multiprofissional de atenção domiciliar (EMAD), composta por um médico, um fisioterapeuta, um enfermeiro e três técnicos de enfermagem, e uma equipe multiprofissional de apoio (EMAP), formada por uma nutricionista, uma assistente social e uma psicóloga. Durante as visitas domiciliares, os profissionais do “Melhor em Casa” também identificam, orientam e capacitam um ou mais cuidadores do usuário em atendimento, estimulando a participação ativa dos familiares no processo do cuidado e a ampliação da autonomia da família

Data: 30/12/2020
Fonte: Prefeitura de São Pedr da Aldeia