De olho no sol

Estar atento ao nível de exposição solar ao longo dia é fundamental, mas nem sempre uma tarefa fácil, já que, em geral, só lembramos que exageramos ao sentir a pele arder.

Estar atento ao nível de exposição solar ao longo dia é fundamental, mas nem sempre uma tarefa fácil, já que, em geral, só lembramos que exageramos ao sentir a pele arder. Pensando nisso, pesquisadores da Universidade RMIT, na Austrália, desenvolveram uma pulseira de papel que indica quando é hora de ir para a sombra. Foi a luta pessoal contra a deficiência de vitamina D que levou o professor Vipul Bansal, que liderou o estudo, a desenvolver os sensores de mudança de cor que vêm em seis variações – cada um representando um tom diferente da pele humana. O funcionamento das pulseiras é supersimples e didático: elas têm quatro emojis que mudam de cor quando são expostos à radiação ultravioleta. Quando o quarto emoji “aparece”, é hora de sair do sol. rmit.edu.au/news/all-news/2018/sep/wearable-uv-sensors

Benefícios:

  • Sensores adaptáveis De olho no sol às necessidades específicas de cada pessoa;
  • Design de baixo custo permite a produção em massa dos sensores;
  • Amigável para crianças, facilitando a conscientização sobre a exposição adequada ao sol.


Veja mais notícias na nova edição da Revista Leve do Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Clique na imagem abaixo para fazer download da revista.

Especialistas alertam para o excessos na busca do corpo perfeito.

Veja outras edições da Revista LEVE

Data: 22/03/2019
Fonte: Revista LEVE